Notícias

18 de setembro de 2015 - 11:10

CPI vai investigar matança de galos de rinha

A proposta é de autoria do deputado federal Valdir Colatto

CPI vai investigar matança de galos de rinha

Brasília, 18 de setembro de 2015 – A matança de galos de rinha em vários estados brasileiros, autorizada pelo IBAMA será investigada pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos maus-tratos aos animais.

Por meio de requerimento apresentado pelo deputado federal Valdir Colatto (PMDB-SC), e aprovado na manhã desta quinta-feira (17), a CPI vai buscar esclarecer casos divulgados pela imprensa que destacam a matança de galos de rinhas apreendidos pela Polícia Ambiental nos estados do Piauí, Minas Gerais, Santa Catarina, São Paulo e Ceará, entre outros, autorizada pelo IBAMA. “O e-mail que recebemos traz várias reportagens que denunciam o sacrifício de galos de rinha, sem a realização de exames clínicos e laboratoriais dos animais para constatar doença ou atestar o motivo das mortes”, explicou o parlamentar catarinense.

Pelo requerimento de Colatto, uma audiência pública será marcada para ouvir os seguintes convidados: a presidente do Ibama, Marilene Ramos; o presidente da Associação dos Criadores de Raças Combatentes de São Paulo-SP (Acerc-SP), Eduardo Augusto Seixas; o empresário Edson Estevan Méscua; e o responsável pelo e-mail enviado ao parlamentar denunciando a matança de galos de rinha, Paulo Roberto Pontello.

Ainda durante a reunião da CPI, foi aprovada sugestão do deputado Valdir Colatto de inclusão de um representante da Cooperativa Aurora, de Chapecó/SC em audiência pública que debaterá a criação, manejo, transporte e abate de animais para consumo, e políticas públicas de bem-estar animal no setor produtivo.

Galeria de Imagens

CPI vai investigar matança de galos de rinha
Esclarecimentos sobre o Projeto de Lei de Política Nacional de Fauna  - (PL 6268/2016)
Medidas Contra a Corrupção
Lei 13.288/2016
PEC 215
Informativo
Cartilha Nova Lei dos Motoristas
Rádio Colatto Online
Código Florestal Brasileiro